Prefeitura promove 1º seminário do orgulho autista e celebra conquistas para a comunidade

Autismo não é doença. É apenas uma diferença! Juntos somos mais fortes!


A prefeitura de Porto Acre, promoveu no últiom dia 14 de junho de 2022 o 1⁰ Seminário do Orgulho Autista: olhares, reflexões e vivências, no plenário da Câmara Municipal, com a participação e parceria das Secretarias Municipais de Saúde, Educação e Cultura e Assistêncial Social.



O seminário é realizado em alusão ao Dia Mundial do Orgulho Autista, comemorado em 18 de junho, com o intuito de informar a população sobre o Transtorno do Espectro Autista (TEA) e reduzir a discriminação e o preconceito, esclarecendo a sociedade sobre as características únicas das pessoas diagnosticadas com algum grau de (TEA); e busca normalizar a neurodiversidade, ou seja, o reconhecimento de que o funcionamento cerebral de algumas pessoas.



O Seminário reuniu profissionais de várias áreas, pais, responsáveis e pessoas com TEA e com o único objetivo de conscientizar a população e as famílias sobre o Autismo e a necessidade do diagnóstico precoce e do tratamento contínuo.


Num dos destaques do evento, houve a apresentação musical do jovem Davi, um autista formado na rede municipal de ensino que atualmente está cursando o bacharelado em Música na Universidade Federal do Acre (UFAC); além da apresentação da Lei Municipal nº 656 de 1 de junho de 2022, de autoria do vereador Máximo Costa, que trata do Transtorno do Espectro Autista - TEA, para os integrantes do Núcleo da Criança e Adolescentes - NUCA; os participantes discutiram sobre paradigmas, que faz alguns julgarem as pessoas de forma errada, e demonstrar como a população deve ver a pessoa com autismo, não o autismo como determinante de suas características.


Também foram ministradas palestras com os temas: Comunicação no Autismo, Mitos, verdares e desafios, Sinais precoces e intervenção em casa, e Autismo no olhar jurídico - direito a saúde, educação e previdenciário.



O prefeito Bené Damasceno ressaltou a importância da lei e destacou vários benéficios "Os portadores de TEA em Porto Acre agora tem vários direitos, como ir ao teatro, cinema, shows, competições desportivas de forma gratuita, passe livre, nesses eventos e espetáculos, não é permitido servidores públicos ou da profissionais da iniciativa privada recusar a prestação de atendimento ou serviço a alguém com TEA, o poder público dotará isenção de IPTU para pessoas com TEA, bem como eles terão passe livre no transporte público com apoio da Ageac, além da carteirinha autista" disse.


Já a primeira-dama e secretária de Assistência Social Daiane mencionou durante o seminário que "a intenção do governo com a aprovação da lei do vereador Máximo Costa é orientar pessoas, sejam profissionais, seja família, ou apenas alguém que queira saber sobre o assunto" disse e ainda explanou alguns dados estimatidos pela Organização Mundial de Saúde (OMS), ao afirmar que há aproximadamente 70 milhões de autistas no mundo, e somente no Brasil possui mais de 2 milhões de pessoas com TEA.


A gestora também frisou que o autismo não é uma doença, é apenas uma diferença; e que o transtorno de desenvolvimento leva a um deficit, em maior ou menor grau, em pelo menos uma das seguintes áreas: interação social, comunicação e comportamento. Não tem causa definida ou conhecida, mas já se sabe que influências genéticas e ambientais, ainda no desenvolvimento do bebê, desde o útero, podem estar ligadas ao diagnóstico.



No final do evento, a prefeitura demonstrou sua gratidão aos envolvidos e a equipe organizadora, que contribuiram para que esse seminário fosse um sucesso e também parabenizou todos os presentes, destacando a participação especial aos palestrantes, oriundos do Centro Integrado de Desenvolvimento Osmarina Montrezal (CIDOM) e representates da Comissão de Direitos de Defesa das Pessoas com Autismo e Comissão de Direito Médico da OAB/AC.


Prestigiaram e participaram do evento o Prefeito Bené Damasceno, Secretária de Assistência Social, Daiany Gonçalves, Secretária de Educação e Cultura, Maria Elinaide Pinheiro, vice-prefeita e secretária de saúde Edna Cuiabano, representante da Secretaria de Saúde, Marcelo, Assessor Jurídico Dr. Oscar Soares, representando a Câmara Municipal, as vereadoras Ida do Caquetá e Eliene Amorim, Coordenadora do Núcleo Estadual de Educação, Deusenir Pinheiro, e representante da Comissão da OAB, Leilane Campos, servidores, profissonais de saúde, psicólogos, pais e autistas e comunidade em geral.


Galeria de Fotos

0 comentário