Prefeitura implanta o sistema de prontuário eletrônico na UBS Ilda Barbosa de Souza

O prefeito Bené Damasceno e a secretário municipal de Saúde, Edna Cuiabano, iniciaram nesta segunda-feira (27), a implantação do Prontuário Eletrônico do Cidadão (PEC) na Unidade Básica de Saúde (UBS), Ilda Barbosa de Souza. A Unidade é quinta a receber o sistema PEC.

Edna Cuiabano, secretária de saúde, disse como funciona o PEC. “Todo o atendimento do paciente será feito por meio do Prontuário Eletrônico do Cidadão, com a UBS totalmente informatizada e com todos os profissionais acessando seu computador, onde será feito o registro diretamente no sistema, desde o agendamento, aos atendimentos e procedimentos realizados na UBS”, explicou. O Prontuário Eletrônico do Cidadão (PEC) consiste em um registro eletrônico elaborado com especificidade para apoiar o usuário, oferecendo acesso prático à inúmeras informações de banco de dados, recursos de apoio à decisão, alertas e diversos outros recursos.


Bené Damasceno, prefeito, lembrou alguns pontos são relevantes quanto ao uso do PEC: o custo financeiro é zero, pois o sistema do Ministério da Saúde é gratuito; há comunicação direta com a base de dados de cadastros dos Agentes de Saúde; agilidade no fluxo de atendimento ao paciente; economia de papel em prontuários e fichas de produção; acompanhamento fidedigno ao paciente; relatórios de produção dos profissionais em tempo real e melhor acompanhamento das produções, o que melhora os índices referentes aos repasses de verbas do Governo Federal.

A secretária também explicou que a otimização do sistema de atendimento nas Unidades é necessário porque gera economia para a gestão e segurança para todos, especialmente por conta da atual LGPD e outras legislações. “Hoje é o pontapé inicial na modernização do sistema do SUS em Porto Acre. Não vai mais existir o uso do papel. Em breve, vamos implantar um sistema para guardar todas as informações em nuvem, para que daqui há 100 anos, por exemplo, os registros médicos estejam armazenados”, disse a secretária.


A gestão municipal espera que até o primeiro trimestre de 2022, todas as UBS estejam com o sistema PEC operacional, ou seja, com 100% da rede de saúde municipal informatizada.

0 comentário